quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Chinês pesca pedaço de madeira que vale US$ 180 milhões



Um pescador de Hong Kong achou que seu Ano Novo havia começado mal quando ele pescou um enorme pedaço de madeira, apenas para descobri mais tarde que o artefato valia milhões de dólares. O sr. Kwok saiu para o mar na quinta-feira (30/01) e ficou desapontado com sua captura incomum, até que percebeu que ela tinha uma fragrância forte, relatou ao jornal Ifeng.com. Quando ele removeu um tira da casca, um óleo amarelo emergiu e o homem percebeu que tinha encontrado um enorme pedaço de resina de agar, que é usada como medicamento e incenso.

Um perito confirmou que o gigantesco fragmento – com uma circunferência de mais de 2,74 metros – era de fato agar, e avaliou o achado em HK$ 1 bilhão (US$ 128 milhões). O sr. Kwok planeja vender a resina e doar parte da renda para a caridade. Na medicina tradicional chinesa, agar é conhecido como o diamante de plantas. Acredita-se que essa madeira resinosa concentra a essência do universo e possui poderes especiais. Suas sementes e folhas são utilizadas para fins medicinais.

A qualidade do agar é determinada pela densidade da resina solidificada. O livro clássico de medicina tradicional chinesa “Compêndio de Ervas Medicinais” lista o agar como ideal para o tratamento de diarreia, problemas digestivos, asma e derrame cerebral.
Na medicina ocidental, ele é usado para prevenir o câncer e fortalecer os sistemas cardiovascular e nervoso. Na religião budista, incenso feito de agar é considerado o melhor. Quando queimado, sua fragrância seria calmante e relaxante. De acordo com um velho ditado: “Um grama de agar é tão valioso quanto um grama de ouro.”

Fonte:http://www.vozcaicara.com.br/

Nenhum comentário: